terça-feira, 18 de setembro de 2012

Apcalipse, segundo profecia maia? Fim do mundo em 2012?

Preocupações acerca do fim do mundo tem vindo cada vez mais à tona. Em diversos lugares e meios de comunicação, pastores, ateus, religiosos de todos os tipos têm comentado e especulado acerca do fim do mundo.

Fim do mundo em 2012: o Apcalipse, segundo profecia maia?


PorJussara Teixeira
Copiado de: http://portugues.christianpost.com/news/fim-do-mundo-em-2012-o-apcalipse-segundo-profecia-maia-10258/

“Vai haver terremotos em vários lugares, está acontecendo. A Bíblia não fala que ano, mas fala que vai haver”, pregou recentemente um pastor de uma igreja em São Paulo, Edvaldo Silva, citado pelo jornal Paraíba Agora.
Especialmente para o ano de 2012, há uma atenção maior, visto que o ano é citado por muitos como a data do apocalipse, de acordo com antigas profecias maias. O fato é descrito no filme 2012, sucesso de bilheteria que descreve uma série de eventos cataclísmicos que teriam início no fatídico ano.
Entretanto, o Instituto Arqueológico Mexicano vem alertando que as profecias do povo que habitou parte do território mexicano e América Central estão sendo mal interpretadas.
Os maias, que estudavam intensamente o tempo e seus fatores, tinham conhecimentos muito avançados em matemática e astronomia. Isso foi um aspecto decisivo para a previsão de eclipses, fases da Lua ou a determinação da posição do sol. A intenção era prever os eventos que poderiam afetar a agricultura ou outras atividades econômicas.
De acordo com historiadores e especialistas em cultura maia, o povo, que foi dizimado pelos colonizadores espanhóis, tinha a idéia de tempo em ciclos. Assim não haveria “fim dos tempos” e sim o fim de uma era e começo de outra.

Ocidentais messiânicos distorcem a cosmovisão de civilizações antigas como a Maia”, dizem especialistas.
Segundo a previsão maia, a transição entre duas eras seria marcada pela volta de uma divindade deles - Bolon Yokte’ – que seria o deus da criação e da guerra. O comando da transição seria feito por um governante local, que reinou no século VIII. Com isso, a “profecia” seria mais política que profética.
Assim como acerca das previsões de Harold Camping, que preveu o fim do mundo para o dia 21 de maio de 2011, muitos cristãos são céticos a respeito de profecias apocalípticas diferente origens, como as maias. Ao invés disso, preferem acreditar no que diz as Escrituras, em Marcos 3:32: “Mas daquele dia e hora ninguém sabe, nem os anjos que estão no céu, nem o Filho, senão o Pai”.
Contato: jussara.teixeira@christianpost.com Twitter: @TeixeiraJussara

Nenhum comentário: