terça-feira, 23 de julho de 2013

Fim dos tempos? Nova Democracia? Cenas do confronto entre PMs e manifestantes durante visita do papa Francisco ao Rio de Janeiro


Cenas do confronto entre PMs e manifestantes durante visita do papa Francisco ao Rio de Janeiro

Jornal A Nova Democracia — Na tarde de ontem, milhares de pessoas tomaram as ruas da zona Sula do Rio para protestar contra os gastos exorbitantes com a visita do papa ao Brasil para a Jornada Mundial da Juventude Católica. Como em outras ocasiões, manifestantes exigiram o impeachment do governador Sérgio Cabral, o fim do extermínio de pobres nas favelas e o paradeiro do operário e morador da favela da Rocinha, Amarildo Souza Lima, que desapareceu depois de ser detido por PMs da UPP. Um cordão de isolamento formado por 350 policiais do Batalhão de Choque bloqueava o acesso ao Palácio Guanabara, onde acontecia uma reunião entre o papa e os gerentes de turno Dilma, Cabral e Paes, declarados inimigos das massas. Os manifestantes não se intimidaram e, com coragem e determinação, enfrentaram o incrementado aparato repressor do velho Estado. 








Um comentário:

original mestres disse...

Vai la ver o site deles, Nova Democracia é uma organização comunista.