quarta-feira, 16 de maio de 2012

Por que não falam do "Juizo Final" revelados por Jesus Cristo?


AS PROFECIAS DE JESUS CRISTO 

 Ao ler os Evangelhos, são 3 os evangelistas (S.Mateus, S. Marcos e S.Lucas) que falam dos acontecimentos de "Juizo Final" revelados por Jesus Cristo no seu Sermão antes de ser preso e crucificado. Porém nenhum deles é referido nas homilias da Igreja Católica aos domingos, talvez por achar que são desnecessários ou assustadores para serem conhecidos e por isso omite do mesmo modo que fez com a Mensagem de Fátima revelada aos 3 pastorinhos em Portugal no ano de 1917. 


 Compreendo o propósito, mas a verdade não deve ser escondida e sim conhecida para que muita gente não seja apanhada desprevenida. Tanto mais que são já os próprios cientistas a prever acontecimentos de "Juizo Final" para o século actual, sendo um deles a própria realidade dos degelos polares que se estão a intensificar e podem aumentar (nos próximos anos) o nível das águas do mar que Jesus falou também ao referir-se a "dias de Noé" do seguinte modo: ...


"E como foi nos dias de Noé, assim será também a vinda do Filho do homem, pois tal como nos dias anteriores ao Dilúvio, as pessoas comiam e bebiam, casavam e davam-se em casamento (fazendo sua vida normal) e não se aperceberam até que veio o dilúvio que os levou a todos"...


 Na verdade serve o exemplo do Tsunami no sudeste asiático em 26 de Dezembro de 2004 que vitimou 300.000 pessoas que nesse dia foram ceifadas á vida, já não falando naquele outro mais recente no Japão em 11 Março de 2011 que pode ser repetido por um ainda maior de que tanto se fala. 


 Jesus foi bem claro quanto a estes e outros Acontecimentos no "Fim dos tempos", não pretendendo no entanto assustar as pessoas e sim alertar os homens para os erros e excessos que têm cometido, afastando-se do Caminho da Vida, do Bem e da Verdade, fazendo perigar a sua própria realidade. Isto trará consequências nefastas para toda a Humanidade. 


 E de nada adianta reclamar ou vociferar contra um Deus Criador do Universo que estabeleceu suas Leis e Ordem que deveria ser respeitada, mas infelizmente a Terra tem sido tão devastada pela ganância e ambição dos que dominam nela, exaurindo seus recursos naturais (desde a superfície ás entranhas), como nunca aconteceu em tempos ancestrais. Jesus também vislumbrava isto e por isso falou que... "nos tempos derradeiros, os últimos actos dos homens serão piores do que os primeiros"... 


 Na verdade nunca outras civilizações anteriores trataram tão mal o Planeta como a actual, e tudo em nome do "Progresso Material", não Espiritual... 


 Por isso, creio que está prestes a acontecer algo que os Profetas sempre falaram e que tem a ver com uma grande transformação na Terra para se dar início a uma Nova Era. Jesus falou dela também, anunciando no seu Sermão um Reino de Paz e Harmonia que se estabeleceria "sob um novo céu, uma nova terra, na paz de Cristo, no Reino de Cristo" depois dos dias de grandes atribulações que chegaria a todos os povos e Nações. 


 Portanto, as profecias de "Fim do Mundo" de Jesus Cristo não é propriamente o fim do Planeta em si, mas sim do mundo humano tal como o criámos com a nossa forma de Civilização que o está levando á destruição. Todos sabemos isso, pelo modo como o homem vive e se comporta com a Natureza, afectando também a vida de milhões de seres da Criação. 


 Assim, antes que se ponha em risco toda a vida na Terra, até com a eventualidade de uma Hecatombe Nuclear (pelo número de centrais e armas atómicas que já existem e dariam para destruir várias vezes o Planeta) "serão abreviados aqueles dias, senão nenhuma carne (vida física) se salvaria"... Porque é que não se esclarece tudo isto em nenhuma homilia? 


 Fica aqui a minha interrogação. 


 Pausa para reflexão! 

 Por Rui Palmela

Extraído de: http://www.novaera-alvorecer.net/as_profecias_de_jesus_cristo.htm

Nenhum comentário: