quarta-feira, 23 de maio de 2012

Planeta terra em convulsões? Nibiru, planeta x, hercólubus? ou sinais da volta de Jesus?



A NASA reconheceu (em 1982) a possibilidade da existência de mais um planeta novo do sistema solar. Um ano depois (1983), NASA lança o Satélite Artificial Infravermelho (IRAS), que captou um objeto muito grande. The Washington Post fez a conclusão da entrevista com um cientista do programa JPL IRAS.
Um corpo celestial, provavelmente do tamanho maior do que o gigante Júpiter e, provavelmente localizado a uma distancia tão próxima da Terra que pode fazer parte deste sistema solar, foi descoberto através do telescópio orbital na direção da constelação de Órion.
A inclinação orbital do Nibiru é de aproximadamente 30 graus em relação à superfície do movimento do nosso Sol ou à eclíptica. Visto que o Nibiru atravessa o nosso sistema solar, indo em direcção contraria de todos os outros planetas, às vezes, isto causa a deslocação da órbita do planeta e o acontecimento de catástrofes.
Ele também causa o aparecimento das crateras ou rachaduras superficiais na Lua e nos planetas do nosso sistema solar, e também muda eixos da inclinação e das órbitas destes.
 É responsável pelo desaparecimento da Atlântida e por constantes enchentes.
Mas o pior acontecerá no dia 14 de fevereiro de 2013 quando a Terra passará entre Nibiru e Sol. Os pólos serão deslocados e a inclinação da Terra mudará! As grandes mudanças, os fortes terremotos e poderosos tsunamis acontecerão no mundo!
Depois de 1 de julho 2014, Nibiru não perturbará mais o nosso planeta e sairá da nossa parte da galáxia. A NASA sabe sobre o Nibiru, mas esconde a verdade das pessoas para não causar pânico!
Uma pessoa bem informada da NASA, D.o.D. – nacional serviço secreto militar (S.E.T.I.) e CIA admitem que 2/3 da população do planeta morrerão na hora da mudança dos polares por causa da passagem do Nibiru.
E 1/3 da população sobrevivente, no início, enfrentará a fome e, nos próximos 6 meses, a morte! A agencia governamental mais secreta dos EUA é bem informada sobre o que esperar e como preparar-se para isto. O Vaticano possui a mesma informação. A população do planeta não será avisada e não terá a chance de preparar-se! A informação recebida das pessoas bem informadas do observatório e Vaticano aparece em grande fluxo. A história mais importante da Terra dos últimos 3000 anos libera-se do grilhão imposto pelos proprietários dos mercados financeiros.
A ECLÍPTICA
É o grande plano dentro do qual se movem os planetas do Sistema Solar.
MECANISMO KOZAI: os astrônomos o utilizam para descrever como grandes objetos se comportam quando orbitam em volta um do outro.
Ao contrário de nossos planetas, os que tiverem órbitas perpendiculares à eclíptica passam parte por debaixo da eclíptica e parte em cima.
O MECANISMO KOZAI mostra que esses objetos têm órbitas erráticas que os levam para as profundezas do espaço cósmico ou a colidir com o Sol; bom exemplo é o cometa Haley-Bopp, que, em 1997 passou muito perto de Júpiter, mudando sua órbita de 4200 anos para outra de 2380 anos.
Pode ser que o Planeta X seja uma anã escura que estava, antes, ao longo da eclíptica e, então, algo fez com que entrasse numa órbita pontuda perpendicular como a de agora.
O  Planeta  X tem periélio de 2,850 AU e afélio de 475,000 AU.
A órbita do Planeta X, extremamente alongada, atravessa o plano da eclíptica inclinada de 85º, quase perpendicularmente.
No ponto mais afastado (afélio), encontra-se bem abaixo do plano da eclíptica e, ao penetrar o Sistema Solar cruzará esse plano logo antes de atingir o periélio (2,850 AU), quando deverá ocorrer sua mais violenta interação com o Sol.
A ZONA DE PERIGO será quando o Planeta X chegar ao periélio, porque ocorrerão imensos fenômenos elétricos (relâmpagos cósmicos) entre os dois astros. Tais fenômenos serão de extrema violência.
O próximo vôo do Planeta X está se aproximando.
Isto é conhecido não pela observação direta nesse momento e, sim, pela maneira como estão se comportando os planetas de nosso Sistema Solar e o Sol.
E esta previsão concorda com as experiências anteriores nas últimas vezes em que esse intruso esteve entre nós.
Ele só se tornará visível, no Hemisfério Sul, em 2009 ou em 2010.
Este atual estudo é, apenas, uma rápida visão do caso, abrangendo o período de 2001 a junho de 2007 e foi baseado nos seguintes dados:
ÓRBITA EXCÊNTRICA e ELÍPTICA: uma órbita elíptica e excêntrica é muito inclinada, como a órbita de Plutão.
PERÍODO DE APROXIMADAMENTE 3.660 ANOS: é o tempo que o Planeta X leva para completar uma órbita inteira em volta do Sol.
PERIÉLIO DE 2,850 AU: a unidade astronômica AU é a distância  média  entre  a  Terra  e  o  Sol  (cerca    de 150 milhões de quilômetros).
Como Marte está a 1,52 AU do Sol, o ponto em que o Planeta X estará mais próximo do Sol cairá entre as órbitas de Marte e Júpiter, a cerca de 427 milhões de quilômetros.
AFELIO DE 475,000 AU: sabendo  que Plutão está a 39,5 AU, o afélio que o Planeta X alcançará será de aproximadamente 12 vezes a distância de Plutão ao Sol.
Isto significa que esse planeta gasta a maior parte do tempo na região chamada de cinturão de Kuiper, muito além da órbita de Plutão.
INCLINAÇÃO DA ÓRBITA QUASE PERPENDICULAR AO PLANO DA ECLÍPTICA:
cerca de 90% dos objetos observados pertencem às 12 Constelações do Zodíaco.
O Planeta X está bem abaixo disso e é por isso que não foi ainda revelado oficialmente.
OBSERVAÇÃO INFRAVERMELHA:
Muitos acreditam que o satélite astronômico infravermelho (IRAS) tenha individuado o Planeta X já em 1983 como um planeta maior do que Júpiter, na Constelação de Sagitário, com um temperatura de 240 Kelvin.
Em abril de 2006, a YOWUSA.COM revelou a estória do telescópio do Pólo Sul.
OBSERVAÇÃO TELESCÓPICA AMADORA:
Dependerá da localização e das condições atmosféricas.
As do Hemisfério Sul serão mais privilegiadas.
OBSERVAÇÃO A OLHO NU:
em meados de 2009, os observadores do Hemisfério Sul poderão observá-lo à noite como um objeto brilhante avermelhado.
SEGUNDO SOL EM 2012: o Planeta X aparecerá como um segundo Sol, no céu.
E o magistral livro “PLANET  X  FORECAST” prossegue:
http://entrementes.com.br/2012/03/planeta-x-%E2%80%93-nibiru/
Enviado por UFOKanali em 25/02/2012


Ícone de alerta
Adhemr Ramos fala sobre Nibiru.

 Enviado por em 12/11/2011

Encontrei o Planeta Nibiru Planeta X

 Publicado em 04/03/2012 por

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Arquivo do blog