quarta-feira, 13 de novembro de 2013

O ESPIRITO E A NOIVA DIZEM "VEM!" Apocalipse 22:17


O Espírito e a noiva dizem: "Vem!" E todo aquele que ouvir diga: "Vem!" Quem tiver sede venha; e quem quiser beba de graça da água da vida.  

Apocalipse 22:17




O Espírito e a Noiva 



Dizem Vem




Diante do Trono


Ouço o som de muitas águas
Ouço vozes celestiais
Toda a criação celebra
Aquele que vem
Multidões com vestes brancas
De toda língua e nação
Aguardando o grande dia
Em que O verão face a face
Seus olhos são como fogo
Sua voz como um trovão
Sobre um cavalo branco Ele vem
Amado das nossas almas
Queremos Contigo estar
O Espírito e a noiva dizem vem
Senhor Jesus
Eis que vem com as nuvens e todo olho o verá
Alfa e ômega, princípio e fim
Aquele que quiser beba da água da vida
Pois sem demora vem
Vem pra nos buscar
Segundo as nossas obras
Nos retribuirá
E o sangue do Cordeiro
Queremos nos lavar
Seus olhos são como fogo
Sua voz como um trovão
Sobre um cavalo branco Ele vem
Amado das nossas almas
Queremos Contigo estar
O Espírito e a noiva dizem vem





A volta do Senhor Jesus
Aguarde com fé e vigilante

TEXTOS: Jo 14:1,2,3/17:24 e At 1:9 a 11
Introdução
Estamos vivendo os momentos finais da igreja sobre a terra e o Senhor nos quer atentos, vigilantes, para este grande momento: “A volta do Senhor Jesus”. Devemos amar a Sua vinda, esperando com fé e mantendo-nos vigilantes, pois o dia e a hora não se sabe, nem os anjos, e nem o próprio Senhor Jesus , mas somente o Pai (Mt 24:36).

No primeiro texto lido (Jo 14:1,2,3), o próprio Senhor Jesus fala que ele mesmo iria nos preparar moradas celestiais, desejando a nossa presença ao seu lado. No cap. 17:24 de João, Jesus mostra o quanto nos ama e pede ao Pai que onde ele estiver nós estejamos com Ele para que vejamos a Sua Glória. Hebreus 13:14 diz que neste mundo não temos cidade permanente, mas buscamos a futura que Jesus foi preparar, nos Céus.
Já o texto em Atos 1:9 a 11 mostra a promessa da volta do Senhor e  a certeza que temos, declarada pelos anjos, quando afirmam para os seus discípulos: “… Esse Jesus que dentre vós foi recebido em cima no céu, há de vir assim como para o céu o vistes ir”.
Na carta aos Efésios 2:19, Paulo diz aos irmãos que agora não somos mais estrangeiros, nem forasteiros, mas concidadãos dos santos e da família de Deus; nossa identidade é celestial, não temos identidade com este mundo.
O arrebatemento
Paulo, escrevendo a primeira carta aos Coríntios no cap. 15 versos 50 a 54, fala como se dará este acontecimento para a igreja: o arrebatamento. Ele frisa que a carne e o sangue não herdarão o Reino de Deus. Portanto, o que é corruptível e mortal será transformado em incorruptível e imortal. Então, transformados, num abrir e fechar de olhos nos encontraremos com o Senhor, pois só assim o poderemos contemplar; moraremos com Ele no céu, onde Ele está preparando moradas para todos que crerem no sacrifício do Senhor Jesus.
Paulo descreve assim o arrebatamento: Primeiro os mortos em Cristo ressuscitarão, depois nós, os que estivermos vivos, sermos transformados. Será glorioso. Quando o mundo perceber o fato, a igreja já estará com o Senhor no céu, nas bodas do Cordeiro.

Conclusão
Poderíamos, então, nos perguntar: qual é o propósito da segunda vinda do Senhor Jesus?
Muitos não crêem na sua segunda vinda, acham que Jesus já fez tudo o que tinha que fazer, ensinando o evangelho de salvação, mostrando o caminho ao Pai,  porém não é isso o que a Bíblia nos ensina: Jesus vai voltar uma segunda vez, só que de maneira diferente da sua primeira vinda.
O mundo não o verá, somente a igreja transformada (mortos e vivos).  Depois de 7 anos da sua segunda vinda, Jesus virá outra vez a este mundo junto com os santos para reinar em Jerusalém por mil anos e nesta vinda todo olho o verá.
Mas respondendo à pergunta feita: Qual o propósito da segunda vinda do Senhor Jesus?
São vários os propósitos, primeiro, completar a salvação dos santos (Hb 9:28/ I Pe 1:15);
Segundo, para que Jesus seja glorificado na vida dos seus servos e se fazer admirável em todos os que crêem (II Tes. 1:10);
Terceiro, para trazer à luz as coisas ocultas das trevas e manifestar os desígnios dos corações, e então cada um receberá de Deus o louvor (I Co 4:5);
Em quarto lugar, a segunda vinda do Senhor Jesus dará início a vários acontecimentos que culminarão no julgamento dos vivos e dos mortos (II Tm 4:1/ Ap 20:11-13 / Jd 1:15).
Porque foi dado ao Senhor Jesus o poder de julgar (Jo 5:22), então Ele reinará para todo o sempre (Ap11:15) e destruirá todos os seus inimigos, sendo a morte o último inimigo a ser destruído (I Co.15:25 e 26).
Sabendo de todos estes propósitos para a segunda vinda do Senhor Jesus, as promessas relatadas na palavra de Deus são: primeiro as promessas feitas aos profetas Daniel (7:13 e 14), Isaias (62:11 e 12) , Apocalipse (22:12).
Depois temos as promessas feitas pelo próprio Senhor Jesus. (Mt 24:44/Jo 14:3).
Promessas de sua segunda vinda também ditas pelos apóstolos em At 3:20/ I Tm 6:14/ Hb 9:27 / II Pe 3:10) e promessas transmitidas pelos anjos, já relatadas inicialmente.
Nós, seus servos, devemos todos os dias aguardar a volta do Senhor Jesus, e estarmos preparados para não sermos pegos de surpresa.        Devemos amar a sua vinda, como Paulo fala em II Tm 4:8, que devemos aguardar a coroa da justiça que Deus preparou para cada um de nós e entrar no descanso eterno ao lado do nosso Senhor.
Não podemos deixar que as lutas desta vida nos desviem deste objetivo, de estar com o Senhor. Devemos então, vigiar todos os dias, e desejar ardentemente a Sua volta. ORA VEM, SENHOR JESUS!




Nenhum comentário: