sexta-feira, 17 de julho de 2015

Pense! DESAMOR - FIM DOS TEMPOS.

DESAMOR - FIM DOS TEMPOS.
Às vezes, paro alguns minutos para refletir, e fico pensando:

O mundo não pode ser assim, tão mau, perverso ou ruim,
Se eu amo as pessoas, alguém há de gostar de mim.
Há tanta desconfiança, há tanta desigualdade,
Não há inocência criança, parece que é só maldade.

Ninguém confia em ninguém, é um salva quem puder,
Não sabe se lhe quer bem, ou bem certo o que lhe quer.
Observo isso tudo e não quero acreditar,
Se isso é o fim do mundo, o mundo vai se acabar.

A gente só vê notícias, de violência que passa,
Só vê ódio e malícia, grandes tragédias e desgraça.
Desrespeito à natureza é desrespeito ao ser humano,
Não há respeitos iguais, desrespeitam os animais,
É um mundo falso e cruel, sem piedade e profano,
Destroem tudo o que podem, por supostos ideais.

É o homem queimando o mundo, com gases e poluição,
No afã de enriquecer, de maneira e a qualquer sorte,
Destruindo o planeta, sem dó e sem compaixão,
Se achando como um Deus, ou talvez ainda mais forte,
Provocando, em consequência, sua própria extinção.
Perdeu-se o amor ao próximo, perdeu-se o amor aos seus,
Perdeu-se o amor a tudo, perdeu-se o amor maior e perdeu-se o amor em Deus.

É o mundo passando fome, o homem mais prepotente,
Com comida mais escassa, não produz o que consume,
Vai ficando degradante, cada dia diferente,
E a conclusão final, será choro e ranger dentes .

Não existe educação, filhos não respeitam aos pais, todos se acham iguais,
Não há respeito com o próximo, nem respeito à criação,
Não respeitam o casamento, qualquer crença ou religião.

Já é fato consumado, disso tudo, não me ILUDO.
É o homem se destruindo, é o homem matando tudo,
É o homem matando ao homem, é o homem matando a todos,
É o homem matando o MUNDO!

Márcio Souzahttp://pensador.uol.com.br/frase/MTc4MzcwOA/

Nenhum comentário: